Quem tem criança por perto é mais feliz!

Tudo bem que este é um blog de casamento, mas em um dia como hoje, no Dia das Crianças, não dá para não dizer o quanto é especial ter uma criança em nossas vidas. E ainda por termos leitoras que já são mamães, mas ainda vão casar ou que já casaram e estão aguardando o primeiro filho.

Portanto, decidimos homenagear todas vocês, que de alguma forma, têm uma criança por perto, alegrando os dias e os deixando mais leves e cheios de sorrisos! Reunimos fotos de algumas leitoras de quando eram crianças para relembrar esta fase encantadora e conversamos com uma mãe muito especial que tem duas crianças incrí­veis: Luiza e Benjamin.

Criação: designer Jaqueline Freitas.
Criação: designer Jaqueline Freitas;
Criação: designer Jaqueline Freitas;

A Luiza foi nossa daminha em nosso dia tão sonhado <3 E encantou a todos com sua doçura. Carolzinha, a mãezinha especial, nos conta como foi a experiência com a chegada da Luiza e em seguida (com pouquinho tempo), do Benjamin. Duas fofuras que amamos!

Luiza, Benjamin e a mãezinha, Carol.

Deliciem-se com nosso bate-papo!

Casamento 2.0 – Que sentimento você teve quando soube que estava grávida pela primeira vez?

Não sei, Nat, que nome tem aquele sentimento. Nem muito menos o que sinto hoje por Luí­za. Sei mais ou menos o que é o amor. Por isso, sei que não foi isso que senti quando me vi grávida dela…era mais que isso. Mas medo não tive. Tive ansiedade. As vezes, chegava até a sentir uma dor aflita querendo dar o meu melhor e querendo que esse melhor não assustasse Luí­za, tão miúda que chegaria. Me dava uma vontade de avexar o passar dos meses. De aprontar as coisas do jeito mais diferenciado para recebê-la, pra ela se sentir acolhida da forma mais honesta e boa pro desenvolvimento humano dela.

Casamento 2.0 – Qual é a surpresa mais gostosa dessa nova e diferente fase das crianças?

A fase deles de 3 e 2 anos de idade? Se for isso, Nat, o que é surpreendente é vê-los tão amigos, com disputas sempre tão saudáveis, colocando o amor q sentem um pelo outro sempre a frente das desavenças que eles têm diariamente. í‰ comovente, mais que surpreendente, ver como a Luí­za, tão novinha, assume um papel de tão minha parceira. Como ela me ajuda com o irmãozinho dela. E como ele imita as melhores atitudes dela. Eles são nossos maiores mestre, sem dúvidas.

Casamento 2.0 – Existe receita de como ser mãe?

Não. Eles são tão diferentes. Uma barrigada pra outra é diferente. As fases se repetem, mas eles passam por elas de modo completamente diferentes, mesmo sendo eles filhos do mesmo pai e da mesma mãe, e mesmo tendo eles recebido os mesmo aconchegos, ensinamentos, diretrizes. Luí­za e Benjamin são  diferentes e me fazem diferente no comportamento com um ou com outro. São diferentes. E me fazem agir diferentemente por causa disso. O que sinto pelos dois é diferente, inclusive. Mais uma vez, não é amor. í‰ mais. E, mais do q isso, meu sentimento por um é um. Por outro, é outro. E é de um tamanho que não tenho dimensão.

 Casamento 2.0 – O que será comemorado neste Dia das Crianças em seu lar?

A ausência do consumismo e a construção do desapego com as coisas. í‰ isso que comemoraremos neste dia das crianças. Nada de presentinhos. Nunca quisemos isso. pra gente, natinha, bom mesmo pra esse dia vai ser fazer atividades que valam a pena pras nossas crianças. Atividades (feito a q costumamos fazer / oferecer a elas) que ensinem através do agrupamento, da partilha, da relação direta com a natureza, com a diversão primária, que as una como iguais, em espaços que possam ser tão acolhedores alto o abraço de uma mãe, de um pai, de novos amigos.

Coisas simples que possam fazer nossos filhos lançarem um novo olhar sobre o ter, sobre a real importí¢ncia dos brinquedos e sobre quais brincadeiras são essenciais pro crescimento delas. A gente vai comemorar a imaginação, a simplicidade, a sensibilidade…a gente acha que eles já gostam muito disso, já entendem do que realmente vale a pena rir nesta vida.

Daminhas do casamento Natália e Rafael com a LUIZA na frente. Foto: Samuel Gomes.

Casamento 2.0 – Para onde costuma levá-los para brincar? qual a programação do Dia das Crianças?

Sempre procuramos, Nat, inserir as crianças em atividades diferenciadas. A gente os leva sempre pra oficinas de arte, a passeios de bicicleta, a andanças pela pracinha, sem contar q é uma brincadeira incrí­vel qdo vamos pra cozinha fazer comidinhas saudáveis e que remetem a nossa cultura… Tipo: bolos de legumes e frutas, tapiocas. Colocamos as crianças pra realizarem a colheita de frutas q plantamos em nosso quintal (banana, caju, abacate). Eles participam da feitura dos suquinhos feitos com essas frutas.Â í‰ uma festa, uma brincadeira imensa do tipo das q levam ensinamento pra vida toda. A gente deve, natinha, ir í  praia, conferir a programação do teatro infantil, q tá linda, ir í  livraria, andar de bicicleta. Algo lindo assim.

Casamento 2.0 – Que tipo de lições seus filhos lhe ensinam no dia a dia?

A sorrir apesar de tudo. Olhar as coisas de modo mais moleque, e menos sério. A partilhar. A pedir ajuda. A observar as minúcias. A ser mais detalhistas. A olhar as coisas sem os pré (conceitos). í‰ muito bom tê-los.

Casamento 2.0 – O que pode dizer para as leitoras, que se preparam para uma nova etapa, a de construir uma famí­lia? O que esperar enquanto está esperando?

Bom mesmo, queridas, é não esperar muito. As surpresas virão de toda forma. Programem-se, mas o menos possí­vel. E apostem sempre no bem. Sonhem com o crescimento humano mesmo do outro, mas nunca o forcem a mudar. Apostem nas coisas simples. Procurem dar aos filhos o cultivo í  criação, í  imaginação solta, í  reciprocidade, a vontade de partilhar, o juí­zo de que nada deve ser só deles. Tenho uma impressão que uma famí­lia constituí­da com base nestas virtudes não tem como se apartar. O amor, assim, estará sempre forte e mais tendencioso a vencer os muitos desafios que sempre veem testar a gente e bulir com o sossego da famí­lia da gente.

Um beijo carinhoso dos blogueiros na famí­lia da Luiza e do Benjamin e em todas as crianças do mundo afora. Que tenham um dia e uma vida pra lá de especial! 🙂

More about

Comments

  1. Responder

    Adorei! A Carol é fantástica, seus pequerruchos e esse blog também…beijosss

  2. Responder

    Naty, querida… Só vi a homenagem hoje acredita… Que coisa linda esse texto, perfeito!!! Amei!!! Você é muito talentosa… sucesso!!!

    Beijãoooo!!!

Leave a Reply

Deixe uma resposta